«Fecha a porta e reza para que os teus pecados te sejam perdoados»

Evita cuidadosamente uma vã desconfiança em relação à conversão. Conheces porventura o poder da conversão? Poderás conhecer a força da arma de salvação e saber o que pode a confissão? […]

Com a sua conversão, Ezequias inverteu uma decisão divina que estava tomada. Estando ele doente, Isaías disse-lhe: «Põe ordem nas tuas coisas, porque vais morrer e não viverás» (2Rs 20,1; Is 38,1). […]

Ezequias não fugiu à penitência. Tendo-lhe vindo à memória a palavra da Escritura que diz: «Quando te desviares do mal para chorar, serás salvo» (Is 30,15), virou o rosto para a parede e, do seu leito, elevou o pensamento para o Céu (pois a espessura das paredes não atrasa as orações de um coração piedoso), dizendo: «Senhor, lembra-Te de mim» (Is 38,3). Com efeito, basta que Te lembres de mim para que eu seja curado. […] E ao homem a quem a sentença do profeta tinha tirado por completo a esperança de viver foram concedidos mais quinze anos; em testemunho disto, o Sol andou para trás. Assim, pois, o Sol recuou por causa de Ezequias, e eclipsou-se por causa de Cristo: em vez de recuar, eclipsou-se, mostrando assim a diferença entre um e outro. O primeiro teve poder para anular uma sentença de Deus, e Jesus não havia de conceder o perdão dos pecados?

Vira-te e chora pelas tuas faltas, fecha a porta e pede que te sejam perdoados os teus pecados, a fim de que Deus afaste de ti as chamas ardentes; pois a confissão tem força para extinguir o próprio fogo, tal como tem força para amansar os leões. […] E vós também, confessai os vossos pecados ao Senhor de todo o coração, a fim de obterdes o perdão dos vossos pecados passados, de receberdes o dom celestial e, finalmente, de herdardes o Reino dos Céus com todos os santos, em Cristo Jesus, a quem pertence toda a glória pelos séculos dos séculos, amém.

São Cirilo de Jerusalém (313-350)
Catequese batismal n.º 2, 15.20
Fonte: Evangelho Cotidiano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *