HOMILIAS

Pelo Arcebispo IOSIF, Metropolitano de Buenos Aires, Primaz e Exarca da América do Sul – Patriarcado Ecumênico.

«A Prostituta estendeu a seus cabelos a Ti, Soberano; Judas estendeu as mãos aos criminosos; aquela, para receber a remissão; este para receber o dinheiro; por isso clamamos Àquele que nos adquiriu e nos resgatou, Senhor, glória a Ti». (Dos Ainos do Ofício)

Hoje a Igreja recorda a prostituta que ungiu os pés de Jesus antes da sua Paixão. A hinografia do dia fala de uma mulher pecadora que entra em cena para ungir Jesus com um perfume de nardo, caríssimo, e depois enxuga os pés com os seus próprios cabelos. Os gestos, inteiramente simbólicos, falam sem dúvida de uma transmutação espiritual que é expressa desta maneira tão particular: refiro-me à «metanoia». A metanoia é a transformação mais radical do ser interior – a mudança de coração – do homem mais profundo. São Paulo assim resume com maestria: «Esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim» (Fp 3:13) (…)

Noite-de-Terca-feira

Compartilhe isso:

Categories:

Tags:

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *