Mamas (Mamede) nasceu de pais cristãos no ano 260.  Seus pais, Teodoro e Rufina estavam na prisão quando de seu nascimentoonde e morreram em oração quando Mamas era ainda pequeno. O santo, tendo ficado órfão ainda muito cedo, foi adotado por uma mulher cristã de nome Amia que  lhe proporcionou uma boa educação e amor maternal. Aos 15 anos, discutindo com idólatras, Mamas declarou publicamanete a sua fé em Cristo sendo, por isso, cruelmente espancado e depois, uma pedra foi atada ao seu pescoço e  foi jogado ao mar. Mas, por intervenção divina, Mamas foi salvo. Novamente foi apanhado e jogado ao fogo e depois às feras famintas, e de todas estas torturas foi milagrosamente preservado vivo. São Mamas morreu mais tarde, tendo seu abdômen sido traspassado por um tridente. A vida deste mártir recorda-nos as palavras evangélicas: «Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus» (Mt 18,4).

Tradução e publicação neste site
com permissão de www.ortodoxia.org
trad.: pe. André

 

Tags:

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment


 
 
 

Pesquisar neste site

Web manager