São Nicodemos de Monte Athos, em seus escritos de histórias de santos, refere-se a São Cirilo, Arcebispo de Alexandria, nascido no ano 370 em Alexandria. Sobrinho do Arcebispo Teófilo, Cirilo recebeu uma profunda educação teológica, tornando-se o sucessor no arcebispado. Na época do Terceiro Concílio Ecumênico, no ano 431, em Éfeso, São Cirilo foi eleito presidente da mesmo. Neste Concílio foi condenada a heresia de Nestório sobre a pessoa da Mãe de Deus e sempre Virgem Maria. Foram muitos os êxitos intelectuais em seu trabalho. O santo entregou seu espírito em paz ao Senhor no dia 27 de junho do ano 444, sendo 32, estando já há 32 anos no trono patriarcal.

Tradução e publicação neste site
com permissão de
Ortodoxia.org
Trad.: Pe. André

II

São Cirilo nasceu em 370, no Egito, e durante muitos anos foi o firme condutor da Igreja do Egito. Lutou pela ortodoxia da doutrina católica e presidiu o Concílio de Éfeso que definiu a maternidade de Maria, derrotando seu adversário Nestório que colocava em discussão a maternidade divina de Nossa Senhora. Durante o Concílio pronunciou o célebre «Sermão em louvor à Mãe de Deus» que marca o início do florescimento dos hinos em honra à Virgem Maria. A coragem e a persistência com a qual defendia a verdade católica deram a santidade a este bispo de Alexandria: «Nós – dizia – pela fé em Cristo, estamos prontos a sofrer tudo – algemas, cárcere, a própria morte». São Cirilo morreu em 444.

 

Tags:

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment


 

 
 

Pesquisar neste site

Web manager