Santo Erasmo foi um bispo sírio que fugiu durante a perseguição de Diocleciano, buscando refúgio no Monte Líbano. Lá viveu como um ermitão solitário, sendo alimentado por um corvo. Ao ser descoberto foi levado a comparecer diante do imperador que ordenou que fosse açoitado com garrotes cravejados de pregos. Em seguida foi coberto de rezina e atearam-no fogo. Tendo sido preservado incólume, apesar de tudo isso, o bispo foi jogado num calabouço para morrer de fome. No entanto, um anjo o retirou para fora da prisão e o conduziu até a província romana de Iliria. Lá, levou muita gente à conversão, sendo mais uma vez submetido a outras formas de tortura, incluindo a sela e armaduras de ferro aquecido em braza. Novamente foi preservado e salvo por um anjo que o conduziu para Formia, onde o Santo, já com idade avançada, morreu mais tarde.

Tradução e publicação neste site
com permissão de
Ortodoxia.org
Trad.: Pe. Andre

 

Tags:

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment


 

 
 

Pesquisar neste site

Web manager