Vaticano, domingo, 30 de junho de 2019 — Em 29 de junho de 2019, data comemorativa dos santos Apóstolos Pedro e Paulo, Sua Santidade Francisco, Papa de Roma, presenteou a Igreja de Constantinopla, Sé Patriarcal do Apóstolo Santo André, irmão do Apóstolo São Pedro, o Primeiro-Chamado, com uma parte das relíquias do Apóstolo Pedro, santo patrono da Sé de Roma. A relíquia era conservada na capela dos Apartamentos Pontifícios que já deixaram de ser usados pelo Papa desde que passou a residir na Casa de Santa Marta. As relíquias foram recebidas por S. E. Job (Getcha), Arcebispo de Telmessos, representante do Patriarcado Ecumênico junto ao Conselho Mundial de Igrejas, em Genebra, e decano do Instituto de Estudos superiores em Teologia Ortodoxa de Chambésy, que chefiou a Delegação Patriarcal deste ano na festa patronal da Antiga Roma. Segundo o Hierarca, o Papa Francisco teria assegurado que o presente à Igreja de Constantinopla era «de Deus», não de si próprio, já que a ideia de fazê-lo teria surgido quando estava em oração na noite anterior. A relíquia foi transferida para Constantinopla e venerada neste domingo, 30 de junho de 2019, pelo Patriarca Bartolomeu I e por todos aqueles se encontravam, nesta data de sua festa patronal, na Divina Liturgia realizada na Igreja dos Santos Doze Apóstolos, situada no bairro de Feriköy.


His All-Holiness, Ecumenical Patriarch Bartholomew presides at the Throne at the Divine Liturgy in the Church of the 12 Apostles at the Ferikoy neighborhood of Şişli. During the Service the Patriarch venerated the sacred relics of the Apostle St Peter, which were offered by His Holiness Pope Francis to the Ecumenical Patriarchate.

Posted by Ecumenical Patriarchate on Sunday, June 30, 2019


Fonte: Com informações e foto de Sacra Metrópole de Espanha e Portugal

 
 

0 comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Postar um comentário


 
 
 

Pesquisar

Arquivos