Conflito sírio (AFP or licensors)

Tiros de morteiros lançados no centro de Damasco por grupos armados que ainda controlam os subúrbios orientais da cidade atingiram a área do Patriarcado siro-ortodoxo, no distrito de Bab Tuma, causando pelo menos dois mortos e três feridos.

Cidade do Vaticano (Agência Fides) Tiros de morteiros lançados no centro de Damasco por grupos armados que ainda controlam os subúrbios orientais da cidade atingiram a área do Patriarcado siro-ortodoxo, no distrito de Bab Tuma, causando pelo menos dois mortos e três feridos. Os disparos de morteiros ocorreram ontem, segunda-feira e atingiu a área perto da Catedral siro-ortodoxa de São Jorge, onde um grupo de voluntários russos havia distribuído momentos antes pacotes de ajuda à população local. Os tiros de artilharia lançados contra a Cidade Velha de Damasco representam mais uma confirmação de que, apesar das proclamações e da queda da atenção da mídia internacional, o conflito na Síria ainda está em andamento e continua atingindo a capital. Em janeiro, os bairros da Cidade Velha de Damasco, onde estão concentradas as igrejas e as sedes dos Patriarcados, foram atingidos várias vezes por lançamentos de foguetes e tiros de morteiros do subúrbio de Ghūta, que em 22 de janeiro último causaram 9 mortes – em grande parte alunos que saíam da escola – e mais de vinte feridos.

 
 

0 comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Postar um comentário


 
 
 

Assine nossa Newsletter

Pesquisar

Arquivos