19 de agosto de 2017 — O Patriarca Ecumênico Bartolomeu I encontra-se na Hungria, desde a última sexta-feira, 18 de agosto, em visita oficial a convite das autoridades do governo húngaro. Durante a visita, o governo húngaro fará a entrega oficial ao Patriarca Ecumênico de um edifício localizado no centro de Budapeste, cedido ao Exarcado do Patriarcado Ecumênico na Hungria. Vale lembrar que, há três anos, um acordo de cooperação foi assinado entre o Patriarcado e o governo húngaro que regula as relações entre o Exarcado húngaro do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla e o Estado Húngaro. O acordo de cooperação menciona o papel significativo desempenhado pela Igreja Ortodoxa na história da Hungria: “Cirilo e Metódio trouxeram para a Hungria o cristianismo oriental, que segue até nos dias presentes como uma comunidade eclesial viva. Mesmo antes do estabelecimento do Estado húngaro, a antiga Constantinopla e o Patriarcado Ecumênico mantiveram boas relações com o povo húngaro, tendo enviado para a Hungria o bispo Hierotheo para aqui difundir o cristianismo”, diz o preâmbulo do acordo assinado pelo Governo Húngaro e o Patriarcado Ecumênico. Assinado em dezembro passado entre a Metrópole da Áustria e o Exarcado da Hungria do Patriarcado Ecumênico, e o Governo húngaro, o acordo inclui um memorando que previa a concessão do edifício em questão, que irá abrigar as instalações do Exarcado Patriarcal, uma academia, uma escola grega e um museu de arte eclesiástica. Haverá ainda opções de acomodação para hóspedes. O desejo do Patriarcado Ecumênico e da Metrópole é que a sede do Exarcado seja um espaço para o desenvolvimento do diálogo e um centro cultural e de encontro de todas as pessoas.


Fonte: Orthdoxie | Romphea

 
 

0 comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Postar um comentário


 
 
 

Assine nossa Newsletter

Pesquisar

Arquivos