Fonte: Agência de Notícias Russa TASS

A Catedral de Cristo Salvador, com capacidade para 10.000 fiéis, estava lotada. Muitos não encontraram lugar e se reuniram ao redor dela, em ruas adjacentes.

Foto: Artem Geodakyan/TASS

MOSCOU, 21 de maio / TASS /. O Patriarca Kirillos de Moscou e de toda a Rússia recebeu neste domingo as relíquias de São Nicolau, o Milagroso, um dos santos mais reverenciadas na Rússia, na Catedral de Cristo Salvador de Moscou. As relíquias foram entregues pela Italiancity de Bari. Centenas de clérigos flanqueavam o caminho, até o portal da catedral, na passagem do ônibus que trazia a arca com as relíquias de São Nicolau do aeroporto de Vnukovo.  Na entrada, quatro bispos tomaram em seus ombros a arca com as relíquias, conduzindo-a, em seguida, ao interior da Catedral.

A catedral, com capacidade para 10.000 fiéis, estava lotada. Muitos não encontraram lugar lá em seu interior e se reuniram em sua volta, nas ruas adjacentes. A chegada da relíquia foi celebrada pelos sinos de todas as igrejas de Moscou.

No início do dia, uma aeronave realizou um voo especial da cidade italiana de Bari (Itália) trazendo a Moscou um fragmento das relíquias de São Nicolau, o Milagroso, um dos santos mais reverenciadas na Rússia.

Foto: Pravmir

A arca com a relíquia de São Nicolau, o Milagroso, foi retirada da Basílica de Bari e, temporariamente, entregue aos representantes da Igreja Ortodoxa Russa. O acordo sem precedentes resultou do encontro histórico em Cuba entre o Patriarca Kirillos da Igreja Ortodoxa Russa e o Papa Francisco de Roma. 12 de fevereiro de 2016.

Foto: Pravmir

Pela primeira vez, em quase mil anos, os ortodoxos na Rússia poderão venerar um dos santos mais importantes sem deixar seu país. A arca com a relíquia de São Nicolau é confeccionada de metais preciosos e coberta com um vidro de proteção que permite aos fiéis ver a relíquia.

Foto: Pravmir

A arca estará em exposição na Catedral de Cristo Salvador de Moscou até 12 de julho. Depois, seguirá para São Petesburgo onde as relíquias estarão expostas para a veneração dos fiéis ortodoxos entre 13 e 28 de julho.


Fonte: Pravmir

 
 

0 comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Postar um comentário


 

 
 

Assine nossa Newsletter

Pesquisar

Arquivos