Release (20/12/2016)

selo-patriarcado

O Patriarcado Ecumênico divulgou hoje comunicado no qual expressa profundo pesar pelo ataque terrorista contra Andrei Karlov, Embaixador russo na Turquia, “com quem a Grande Igreja mantinha boas e amistosas relações.” O embaixador foi morto nesta segunda-feira (19) por um atirador enquanto visitava uma galeria de arte em Ancara, capital turca.

O Patriarcado Ecumênico, ainda chocado com a tragédia, condena veementemente este ato de extrema falta de humanidade contra a vida de um homem bom, um digno diplomata e um amigo da paz, e apresenta as suas condolências aos familiares, amigos e a toda comunidade diplomática russa na Turquia, extensivos às autoridades políticas e eclesiais e ao devoto povo da Federação Russa, lamentando por esta grande perda. A mensagem expressa ainda o desejo de que cesse toda a violência, assegurando orações por mais cooperação e diálogo entre os povos em vista de maior bem-estar para toda humanidade.

Que a memória do Servo de Deus Andrei seja eterna! Que Deus faça habitar sua alma com os justos!

Do Patriarcado, em 20 de dezembro de 2016

 
 

0 comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Postar um comentário


 
 
 

Assine nossa Newsletter

Pesquisar

Arquivos